Fórum Portal Vídeos Guia de Episódios Sobre



Todos os horários são GMT - 3 horas


Portal Chespirito



Criar novo tópico Responder  [ 1511 mensagens ]  Ir para página Anterior  1 ... 96, 97, 98, 99, 100, 101  Próximo
  Exibir página para impressão

Re: PT • Tópico sobre o partido onde a corrupção rola solta
Autor Mensagem
MensagemEnviado: 21 Ago 2019, 09:44 
Offline
Avatar do usuário
Administrador

Registrado em: 28 Jan 2009, 13:29
Mensagens: 40162
Localização: São Carlos (SP)
Curtiu: 2004 vezes
Foi curtido: 3965 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: São Paulo
Haddad é Lula, Lula é Haddad. Ele tinha razão, tudo político condenado mesmo. :lol:


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: PT • Tópico sobre o partido onde a corrupção rola solta
MensagemEnviado: 21 Ago 2019, 10:57 
Offline
Avatar do usuário
Moderador

Registrado em: 02 Fev 2009, 12:40
Mensagens: 53260
Localização: Indaial/SC
Curtiu: 280 vezes
Foi curtido: 990 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Palmeiras
#HaddadLivre :vamp:

_________________
Meus títulos e conquistas no FCH:

Moderador Global do FCH (2012 à 2014 / desde 2016)
Moderador do Meu Negócio é Futebol (2010 à 2012 / 2015 à 2016)
Eleito o 1º vencedor do Usuário do Mês - Março 2010
Campeão do Bolão da Copa do FCH (2010)
Campeão do 13º Concurso de Piadas (2011)
Bicampeão do Bolão do FCH - Brasileirão (2011 e 2012)
Campeão do Bolão do FCH - Liga dos Campeões (2011/2012)
Campeão de A Casa dos Chavesmaníacos 10 (2012)
Campeão do Foot Beting (2014)
Tetracampeão da Chapoliga (2014, 2015, 2016 e 2017)
Campeão de O Sobrevivente - Liga dos Campeões (2016/2017)
Campeão de O Sobrevivente - Copa América (2019)
Campeão do Bolão da Copa América (2019)


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: PT • Tópico sobre o partido onde a corrupção rola solta
MensagemEnviado: 21 Ago 2019, 14:38 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Mensagens: 80180
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5482 vezes
Foi curtido: 1615 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
https://g1.globo.com/pr/parana/noticia/2019/08/21/justica-determina-que-guido-mantega-coloque-tornozeleira-eletronica.ghtml

Imagem

A Justiça determinou que o ex-ministro Guido Mantega coloque tornozeleira eletrônica.

O ex-ministro da Fazenda nos governos do PT também será obrigado a entregar o passaporte.

Ele teve R$ 50 milhões em bens bloqueados e está proibido de movimentar as contas que mantém no exterior.

_________________
Imagem
Imagem

Imagem
SBT, exiba os episódios perdidos mundiais do Chaves e do Chapolin !
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: PT • Tópico sobre o partido onde a corrupção rola solta
MensagemEnviado: 23 Ago 2019, 18:04 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Mensagens: 80180
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5482 vezes
Foi curtido: 1615 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
https://veja.abril.com.br/politica/bndes-delacao-palocci-pt-governos-estrangeiros/

Homologada recentemente pela Justiça Federal e com detalhes antecipados pela coluna Radar, de VEJA, a delação de Antonio Palocci, ex-ministro da Fazenda e da Casa Civil nos governos Lula e Dilma, traz no capítulo 21 uma descrição completa do esquema de roubalheira internacional montado pelo PT para obras realizadas em países como Gana, Venezuela, Cuba e Angola.

Lula fazia os acertos com as autoridades estrangeiras e mandava a conta para o BNDES.

Em troca dos juros camaradas do BNDES e do acesso aos mercados de fora, as empreiteiras superfaturavam o trabalho para poder irrigar o caixa petista com o pagamento de propinas. Antes da assinatura dos contratos já se sabia que muitos dos governos amigos não pagariam a conta.

E como essa fatura tem sido quitada até hoje ? Com o seu, o meu, o nosso dinheiro. Alguns projetos nem foram finalizados. Ficaram no lucro as construtoras e, é claro, o PT.

Segundo pessoas que tiveram acesso à delação e foram entrevistadas por VEJA, embora careça de provas, o testemunho de Antonio Palocci contém as peças que faltavam no quebra-cabeça da pilhagem nas obras internacionais do BNDES, abrindo essa parte da caixa-­preta do banco. Ele mesmo uma peça importante no esquema, intermediando conversas com as construtoras envolvidas, o ex-ministro conta como as ordens de Lula chegavam, qual era a exata divisão do butim entre as empreiteiras e o porcentual de propina cobrado em cada projeto.

Todas essas informações permaneciam inéditas, assim como a soma da roubalheira. Somente nesse pacote de contratos no exterior firmados entre 2010 e 2014, as empreiteiras nacionais faturaram mais de 10 bilhões de reais e pagaram propinas ao PT no valor total de 489 milhões de reais.

A pedra fundamental da roubalheira foi lançada em 15 de dezembro de 2009, quando quatro ministros, um secretário e dois assessores especiais sentaram-se à mesa da sala contígua ao gabinete de Miguel Jorge, então chefe da pasta do Desenvolvimento. Além de Jorge, que comandava a Camex, estavam presentes os ministros Paulo Bernardo (Planejamento), Antônio Patriota (Itamaraty) e Reinhold Stephanes (Agricultura); o secretário Nelson Machado (Fazenda); e os assessores Laudemir Müller (Desenvolvimento Agrário) e Sheila Ribeiro (Casa Civil). Na tarde daquela terça-feira, os oito aprovariam financiamentos estapafúrdios para Odebrecht, Andrade Gutierrez e Queiroz Galvão em quatro países : Cuba, Gana, Moçambique e Nicarágua.

O custo dos projetos discutidos naquele dia somava 1,2 bilhão de dólares — em valores atualizados, aproximadamente 4,8 bilhões de reais. Todos renderam depois propinas ao PT e nenhum deles possuía justificativa técnica para ser aprovado.

Para Gana, país que quatro anos antes fora visitado por Lula e agraciado com uma linha de crédito no BNDES, foi aprovado o financiamento de 250 milhões de dólares para uma hidrelétrica que, um mês depois, soube-se que era impossível construir. A área de alagamento da barragem ultrapassaria a fronteira com o vizinho Togo, que não havia sido consultado. O contratempo não atrapalhou os planos de ninguém. Alguns meses depois, a obra foi simplesmente substituída por uma estrada de terra de 100 quilômetros, com o custo reduzido em exíguos 10 milhões de dólares. Ou seja, o negócio custou apenas 4% do valor de uma usina. A roubalheira era descarada e desafiava a lógica.

Como isso foi aprovado ? A Andrade Gutierrez justificou o alto valor com dois tópicos : “benefícios e despesas indiretas”, o que correspondia a 33% do total, e “contingências e custos comerciais”, o equivalente a 7%. O corpo técnico do BNDES questionou a empresa sobre o que, exatamente, significavam as duas rubricas. A desculpa apresentada — e prontamente aceita pelos ministros da Camex — foi que os custos eram “compatíveis com as dificuldades com que as empresas estrangeiras podem se defrontar na operação em um novo mercado”.

Na verdade, todas as reuniões e trocas de memorandos não passavam de jogo de cena. Já se sabia desde o começo que o negócio deveria ser autorizado, por mais absurdo que fosse. A prioridade, agora se confirma, era encher o caixa do PT.

A Odebrecht conseguiu aprovar um aditivo de 128 milhões de dólares para a construção da zona de desenvolvimento ao redor do célebre Porto de Mariel, em Cuba, e mais 300 milhões de dólares para duas obras em Moçambique : o Aeroporto de Nacala (entregue em 2014) e o Porto da Beira (que jamais saiu do papel). A hidrelétrica Tumarín, um projeto da Queiroz Galvão que contaria com a participação da Eletrobras para a construção na Nicarágua — uma promessa pessoal de Lula ao presidente Daniel Ortega —, não se materializou.

O problema é que nem o regulamento do BNDES (por falta de garantias) nem a Eletrobras (por se tratar de um investimento no exterior) permitiam a empreitada, avaliada em 512 milhões de dólares. Mas um recado da Casa Civil, à época chefiada por Dilma Rousseff, destravou o negócio : “A Presidência da República tem todo o interesse nesse empreendimento”.

Digitais da negociata foram detectadas pela primeira vez por uma investigação iniciada nos Estados Unidos, onde a Eletrobras teve a transação de seus papéis na bolsa de Nova York interrompida justamente por suspeita de fraude. A empresa perdeu mais de 600 milhões de reais devido aos esquemas criminosos em que se envolveu. Para se livrar do imbróglio, a companhia precisou contratar, ao custo de mais de 400 milhões de reais, o escritório Hogan Lovells, que detectou mais de 200 milhões de reais em propinas — só na construção-fantasma de Tumarín foram 25 milhões de reais.

Mas por que esses financiamentos eram liberados na Camex, e não dentro do próprio BNDES? A explicação: quem aprova ou reprova a liberação de verbas do banco a projetos internacionais é o Comitê de Financiamento e Garantia das Exportações (Cofig), formado por representantes técnicos e políticos. No entanto, as regras do órgão dizem que a aprovação dos repasses precisa ser unânime, e seus integrantes, quando deparavam com projetos, digamos, suspeitos, jogavam os processos para a Camex.

Nas trinta atas obtidas por VEJA com exclusividade, que cobrem as reuniões entre 2007 e 2011, nenhum financiamento foi recusado.

O caso mais famoso envolve um dos grandes filões internacionais da Odebrecht: Angola. O país, que era comandado por José Eduardo dos Santos desde 1979, absorvia 19% de todas as exportações de engenharia feitas pelo Brasil até 2009 — um valor que já superava 1 bilhão de dólares. A Odebrecht era dona de 85% dessa carteira — e queria mais. O Cofig teimava em dizer que Angola não dispunha mais de crédito perante o Brasil, pois o país estava inadimplente com o BNDES. Lula não queria saber. Ele receberia o ditador angolano em Brasília e pretendia, no final do encontro, anunciar a extensão da linha de crédito. Em agosto de 2010, há a aprovação de mais 200 milhões de dólares em crédito para o país africano, e Lula recebeu um forte abraço de seu amigo.

O apetite da Odebrecht era tão grande que já incomodava Palocci. Apesar de ser ele o arrecadador oficial da campanha de Dilma Rousseff, foi Paulo Bernardo, ministro do Planejamento de Lula, quem procurou Marcelo Odebrecht em 2011 para cobrar os 64 milhões de reais devidos pelo negócio realizado com Angola.

Antonio Palocci se dizia cansado de ver a Odebrecht monopolizar os contratos naquele país e havia prometido a outras construtoras pedaços maiores do bolo de obras angolanas. Palocci, na verdade, não sabia que essa batalha estava perdida.

Nos últimos dias de dezembro de 2010, quando Lula já se retirava do Palácio do Planalto, Emílio Odebrecht recebeu do filho, Marcelo, uma pauta com assuntos para tratar com o presidente. Emílio deveria abordar diversos contratos e discutir a continuidade do apoio à empreiteira. Emílio garantiu que seria mantida a “amizade”. Naquela mesma noite, fechou o acordo de 300 milhões de reais para as eleições de Dilma. A maior parte via caixa dois. As propinas internacionais, como se sabe agora, foram importantes para tornar essa amizade mais sólida — e lucrativa.

_________________
Imagem
Imagem

Imagem
SBT, exiba os episódios perdidos mundiais do Chaves e do Chapolin !
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: PT • Tópico sobre o partido onde a corrupção rola solta
MensagemEnviado: 24 Ago 2019, 00:43 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Mensagens: 80180
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5482 vezes
Foi curtido: 1615 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
https://blogs.oglobo.globo.com/lauro-jardim/post/escritorio-que-defende-lula-demite-todos-os-criminalistas.html

O escritório Teixeira Martins, o que defende Lula, demitiu todos os advogados da área criminal ontem à tarde.

Os sócios não se conformaram com um e-mail em que os funcionários reivindicavam melhores condições de trabalho e demitiram o sujeito que enviou a mensagem em nome de todos.

Ao saberem da dispensa do colega, os demais integrantes da equipe colocaram seus cargos à disposição e também foram dispensados.

Sobrou até para os estagiários, que pediram seus bonés em solidariedade.

_________________
Imagem
Imagem

Imagem
SBT, exiba os episódios perdidos mundiais do Chaves e do Chapolin !
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: PT • Tópico sobre o partido onde a corrupção rola solta
MensagemEnviado: 26 Ago 2019, 18:47 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Mensagens: 80180
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5482 vezes
Foi curtido: 1615 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
https://www.oantagonista.com/brasil/palocci-diz-que-mantega-teria-informado-esteves-sobre-virada-da-selic-em-agosto-de-2011/

Em sua delação, Antonio Palocci detalhou ao menos um episódio em que o banqueiro André Esteves, do BTG, teria sido beneficiado por informações privilegiadas do Banco Central.

Segundo ele, por volta de agosto de 2011, Alexandre Tombini, então presidente do Bacen, informou a Dilma Rousseff que, “contrariando a posição que vinha tendo de aumentar a taxa de juros da Selic, iria diminuí-la”.

Alexandre Tombini explicou que a alteração “no curso da taxa de juros era necessária por causa da volta da crise na Europa e do consequente resfriamento da atividade econômica que viria a atingir todos os países, inclusive o Brasil”.

Antonio Palocci contou à PF que “soube que Guido Mantega passou tais informações a André Esteves, o qual operou no mercado com a informação privilegiada”.

Disse acreditar que André Esteves buscava “enriquecimento pessoal e também as contas do PT”.

O delator acrescentou detalhes peculiares à narrativa : “Que recebeu reclamações de outros personagens do mercado financeiro, além de outros clientes de sua consultoria, que acreditavam que o colaborador havia passado a informação privilegiada a André Esteves e não a havia compartilhado com eles”.

_________________
Imagem
Imagem

Imagem
SBT, exiba os episódios perdidos mundiais do Chaves e do Chapolin !
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: PT • Tópico sobre o partido onde a corrupção rola solta
MensagemEnviado: 29 Ago 2019, 09:43 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Mensagens: 80180
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5482 vezes
Foi curtido: 1615 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
https://www1.folha.uol.com.br/colunas/monicabergamo/2019/08/gilmar-suspende-colocacao-de-tornozeleira-em-guido-mantega.shtml

O ministro Gilmar Mendes, do STF (Supremo Tribunal Federal), suspendeu decisão do juiz Luiz Antonio Bonat, da 13ª Vara Federal de Curitiba, para que o ex-ministro da Fazenda, Guido Mantega se apresente à Justiça, onde seria instalada nele uma tornozeleira.

_________________
Imagem
Imagem

Imagem
SBT, exiba os episódios perdidos mundiais do Chaves e do Chapolin !
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: PT • Tópico sobre o partido onde a corrupção rola solta
MensagemEnviado: 30 Ago 2019, 13:00 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Mensagens: 80180
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5482 vezes
Foi curtido: 1615 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
https://www.oantagonista.com/brasil/lula-a-palocci-o-cara-confirmou-os-30-milhoes-de-euros-po-voce-tem-que-me-ajudar/

Antonio Palocci entregou Lula em mais uma negociata, desta vez envolvendo a disputa pelo controle do Grupo Pão de Açúcar (GPA).

Antonio Palocci disse que o grupo Casino pagou 30 milhões de euros ao ex-presidente Lula para impedir uma manobra de Abílio Diniz que diluiria a participação dos franceses na rede de supermercados.

Antonio Palocci afirmou ainda que a propina foi repassada por meio do banco Safra. Ele mesmo teria ido ao banco retirar recursos em cash para Lula.

O dinheiro também teria abastecido a campanha de Fernando Haddad para a Prefeitura de São Paulo, em 2012, e a de reeleição de Dilma Rousseff, em 2014.

_________________
Imagem
Imagem

Imagem
SBT, exiba os episódios perdidos mundiais do Chaves e do Chapolin !
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: PT • Tópico sobre o partido onde a corrupção rola solta
MensagemEnviado: 03 Set 2019, 07:09 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Mensagens: 80180
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5482 vezes
Foi curtido: 1615 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
https://www.oantagonista.com/brasil/palocci-envolve-dilma-em-articulacao-para-anular-castelo-de-areia/

A anulação da Operação Castelo de Areia é um dos episódios mais obscuros da história recente do Judiciário.

Em sua delação premiada, Antonio Palocci, detalhou a articulação que teria sido comandada pelo ex-ministro da Justiça Márcio Thomaz Bastos.

De acordo com Antonio Palocci, Dilma Rousseff sabia de tudo e teria sido beneficiada com um repasse de R$ 50 milhões da Camargo Corrêa para a campanha presidencial de 2010.

O acerto foi comunicado pelo advogado numa reunião com Antonio Palocci e Dilma Rousseff, na residência oficial da então ministra da Casa Civil.

Posteriormente, a petista teria telefonado para o “italiano”, pedindo para participar de reunião com Luiz Nascimento, sócio da empreiteira. Mas foi dissuadida sob o argumento de que não seria conveniente ela tratar “diretamente” com o executivo.

O delator contou à Polícia Federal que os R$ 50 milhões foram pulverizados como doações a diversos candidatos do PT.

A Camargo Corrêa teria pago ainda R$ 5 milhões ao então presidente do STJ, César Asfor Rocha, responsável pela liminar que suspendeu a operação. O dinheiro teria sido depositado na conta de um familiar no exterior.

_________________
Imagem
Imagem

Imagem
SBT, exiba os episódios perdidos mundiais do Chaves e do Chapolin !
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: PT • Tópico sobre o partido onde a corrupção rola solta
MensagemEnviado: 04 Set 2019, 00:06 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Mensagens: 80180
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5482 vezes
Foi curtido: 1615 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
https://veja.abril.com.br/blog/radar/video-palocci-detalha-esquema-de-propina-do-pt-a-partir-de-mps/

Na semana passada, o Radar revelou, com exclusividade, o conteúdo de um anexo da delação de Antonio Palocci, tornado público a pedido da força-tarefa da Operação Lava-Jato.

Nele, Antonio Palocci detalha a oferta e pagamento de propinas por grandes empresários em troca da aprovação de medidas provisórias no governo Lula (PT).



Agora, o Radar publica um trecho do vídeo do depoimento.

_________________
Imagem
Imagem

Imagem
SBT, exiba os episódios perdidos mundiais do Chaves e do Chapolin !
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: PT • Tópico sobre o partido onde a corrupção rola solta
MensagemEnviado: 05 Set 2019, 00:27 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Mensagens: 80180
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5482 vezes
Foi curtido: 1615 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo

_________________
Imagem
Imagem

Imagem
SBT, exiba os episódios perdidos mundiais do Chaves e do Chapolin !
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: PT • Tópico sobre o partido onde a corrupção rola solta
MensagemEnviado: 09 Set 2019, 18:08 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Mensagens: 80180
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5482 vezes
Foi curtido: 1615 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
https://www1.folha.uol.com.br/poder/2019/09/procuradores-denunciam-lula-e-irmao-sob-acusacao-de-corrupcao-em-sp.shtml

A força-tarefa da Operação Lava Jato em São Paulo denunciou nesta segunda-feira (9) o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e um dos irmãos dele, José Ferreira da Silva, sob a acusação de corrupção passiva continuada.

A denúncia afirma que o irmão, conhecido como Frei Chico, recebeu mesada da Odebrecht de 2003 a 2015 dentro de um pacote de vantagens indevidas oferecidas ao petista.

Segundo a acusação, o valor total chega a R$ 1,1 milhão, divididos em repasses de R$ 3.000 a R$ 5.000 ao longo do período.

Também são denunciados Alexandrino Alencar, delator e ex-executivo considerado elo da Odebrecht com Lula, Emílio Odebrecht, patriarca do grupo, e Marcelo Odebrecht, ex-presidente do conglomerado empresarial.

_________________
Imagem
Imagem

Imagem
SBT, exiba os episódios perdidos mundiais do Chaves e do Chapolin !
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: PT • Tópico sobre o partido onde a corrupção rola solta
MensagemEnviado: 11 Set 2019, 19:47 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Mensagens: 80180
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5482 vezes
Foi curtido: 1615 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
https://blogs.oglobo.globo.com/merval-pereira/post/dilma-rousseff-nao-tem-importancia-politica.html

Apesar de ser ex-presidente, Dilma Rousseff não tem a menor importância política e não é um quadro que o PT leve em conta.

Há denúncias contra ela em muitas delações premiadas e com as revelações do ex-ministro Antonio Palocci, a investigação está se aproximando dela e de pessoas de seu núcleo político, como Guido Mantega, Graça Foster, ex-presidente da Petrobras, o ex-ministro de Minas e Energia Edson Lobão e seu filho Marcio.

Tem também uma delação da diretoria da Odebrecht, que deve estar sendo investigada, de que a empresa pagava despesas pessoais da ex-presidente, até cabeleireiro.


--

https://www.oantagonista.com/brasil/exclusivo-gebran-conclui-voto-sobre-condenacao-de-lula-no-sitio-de-atibaia/

O desembargador Gebran Neto acaba de concluir a análise do recurso sobre a condenação de Lula no caso do recebimento de propina da OAS e da Odebrecht por obras no sítio de Atibaia.

Ele encaminhou o processo ao revisor Leandro Paulsen, a quem caberá marcar o dia do julgamento.

_________________
Imagem
Imagem

Imagem
SBT, exiba os episódios perdidos mundiais do Chaves e do Chapolin !
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: PT • Tópico sobre o partido onde a corrupção rola solta
MensagemEnviado: 16 Set 2019, 02:37 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Mensagens: 80180
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5482 vezes
Foi curtido: 1615 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
https://www1.folha.uol.com.br/poder/2019/09/oas-afirma-que-assumiu-obra-deficitaria-na-bolivia-por-exigencia-de-lula.shtml

​Ao negociar acordo de delação, o empresário Léo Pinheiro, ex-presidente da OAS, mencionou o ex-presidente Lula (PT) como intermediador de negócios da empresa com governos na Costa Rica e no Chile e afirmou que a construtora OAS assumiu uma obra na Bolívia para agradar Lula.

O então presidente Lula , segundo Léo Pinheiro, queria evitar um estremecimento nas relações do Brasil com o governo de Evo Morales.

A obra mencionada é a construção de uma estrada entre as cidades de Potosí e Tarija, que havia sido iniciada pela Queiroz Galvão em 2003.

A Queiroz Galvão, porém, se envolveu em uma disputa com o governo da Bolívia, que cobrava a reparação de fissuras em pistas recém-construídas, e teve contrato rompido em 2007.

De acordo com o relato do empreiteiro, Lula articulou financiamento do BNDES no país vizinho e prometeu à OAS a obtenção de um outro contrato na Bolívia como forma de compensação por tocar um projeto problemático.

O governo brasileiro, disse Léo Pinheiro, afirmou que o impasse proporcionava “riscos diplomáticos” ao país. A paralisação da construção da estrada começou a gerar protestos nas regiões afetadas.

Em encontro em data não informada, Léo Pinheiro diz ter afirmado ao então presidente Lula que a obra seria deficitária, diante dos trechos que precisariam ser consertados e dos preços previstos.

A resposta, ainda de acordo com o relato, foi a de que Evo Morales estaria disposto “a compensar economicamente a empresa, adjudicando um outro contrato em favor da OAS”.

Segundo o depoimento, a Bolívia retirou sanções impostas à Queiroz Galvão, autorizou a transferência do contrato e licitou um outro trecho no qual a OAS se saiu vencedora.

A construção da estrada, de 340 km, despertou controvérsia na política local. O custo total foi estimado pela Bolívia na década passada em US$ 226 milhões (atualmente, em torno de R$ 925 milhões).

_________________
Imagem
Imagem

Imagem
SBT, exiba os episódios perdidos mundiais do Chaves e do Chapolin !
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: PT • Tópico sobre o partido onde a corrupção rola solta
MensagemEnviado: 17 Set 2019, 04:15 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Mensagens: 80180
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 5482 vezes
Foi curtido: 1615 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
https://www.oantagonista.com/brasil/o-mal-estar-do-pt-com-rui-costa/

O governador da Bahia, Rui Costa (PT), disse à Veja que o PT deveria enterrar a campanha Lula Livre e ter apoiado Ciro Gomes na campanha de 2018.

Em reação às declarações de Rui Costa, o PT publicou uma nota em que repete a mesma ladainha de sempre : “A bandeira Lula livre é central na defesa da democracia”.

_________________
Imagem
Imagem

Imagem
SBT, exiba os episódios perdidos mundiais do Chaves e do Chapolin !
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Exibir mensagens anteriores:  Ordenar por  
Criar novo tópico Responder  [ 1511 mensagens ]  Ir para página Anterior  1 ... 96, 97, 98, 99, 100, 101  Próximo

Todos os horários são GMT - 3 horas


Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 0 visitantes


Enviar mensagens: Proibido
Responder mensagens: Proibido
Editar mensagens: Proibido
Excluir mensagens: Proibido

Procurar por:
Ir para: