Religião

Espaço para debates sobre assuntos que não sejam relacionados a Chespirito, como cinema, política, atualidades, música, cotidiano, games, tecnologias, etc.
Avatar do usuário
Ecco - Kiko Botones is my life
Membro
Membro
Mensagens: 11468
Registrado em: 21 Abr 2010, 17:33
Programa CH: Chespirito
Time de Futebol: Inter
Localização: Ponta Grossa
Curtiu: 23 vezes
Curtiram: 88 vezes

Re: Religião

Mensagem por Ecco - Kiko Botones is my life » 03 Dez 2016, 18:59

Pode dar exemplos? Tenho segurança de que qualquer exemplo que você der, vai ser caso de religioso que extrapolou dos limites e faltou com respeito, assim como tais ateus fizeram ali naquele post.
Esses usuários curtiram o post de Ecco - Kiko Botones is my life (total: 1):
Bugiga
MEMBRO DO FÓRUM CHAVES
Imagem

- Moderador DDNL / Fonte dos Desejos (2010-2011)
- Moderador global (2011-2012)
- Viado (1996-2010)
- Campeão do Quiz Premiado do Fórum Chaves (2010)
- Campeão do Winner Futebol Game (2010)
- Campeão da Chapoliga (2010)
- Usuário do ano de 2010
- Campeão da Casa dos Chavesmaníacos 9 (2011)
- Campeão do Torneio GUF (2011)
- Vice-campeão do Big Chaves Brasil (2012)
- Campeão da Copa Haxball do Fórum Chaves (2012)
- Amigo do Nelson Machado

iago83
Membro
Membro
Mensagens: 3178
Registrado em: 27 Set 2011, 14:42
Programa CH: Chaves
Curtiu: 29 vezes
Curtiram: 158 vezes

Re: Religião

Mensagem por iago83 » 06 Dez 2016, 18:00

Tremendo desafio: pregar a uma sociedade que afunda
Imagem

Enquanto em Portugal aborto pode ser matéria para alunos do 5º ano e educação sexual pode ser dada no pré-escolar (confira aqui http://www.jn.pt/nacional/interior/educ ... 4.html), no Brasil, em Juazeiro do Norte, uma peça teatral apresentada no Sesc Cariri de Culturas, tem uma parte em que os atores andam nus no palco, em círculo, enquanto cada um deles enfia o dedo no ânus do outro (confira http://bahianoar.com/peca-teatral-em-qu ... emica/). Sim, é isso mesmo o que você leu. E tudo indica que essa “arte” tem financiamento do Governo Federal. Mas tem mais. Veja este relato de Leonardo Bruno:

“Passeava eu pela livraria da editora da UFPA, no campus da universidade, folheando livros, quando me deparei com um exemplar cujo título era, no mínimo, chamativo: ‘Abuso sexual’. Supus a princípio que fosse mais um trabalho acerca dos malefícios da pedofilia, dos transtornos psicológicos causados contra crianças abusadas ou violentadas sexualmente. Um simples detalhe não ficou despercebido: o livro coloca o abuso sexual entre aspas, como se o termo não fosse real. O autor, pesquisador da universidade, relativiza o abuso sexual como mero discurso moral, mais do que uma realidade. A partir dessas premissas e falsificando o próprio sentido das palavras, diz que a tentativa de proteger as crianças do sexo é apenas uma visão dentro de uma moralidade burguesa e cristã, e que, na prática, não corresponde aos anseios dos menores, já que, em outras épocas, a prática sexual entre adultos e crianças é tolerada. Aquilo me deixou espantando, embora não totalmente perplexo. Pois já sabia que a campanha ideológica a favor da pedofilia é outra mazela acadêmica que veio para nos aterrorizar” (confira http://www.midiasemmascara.org/artigos/ ... y.html).

E ele prossegue: “Que o movimento gay seja um grupo de sociopatas e dementes, isso já é bem sabido para quem o conhece. Todavia, o incentivo cada vez mais explícito da agenda gay de transferir a subcultura homossexual para o ambiente escolar já passou dos limites. Seria caso de polícia, se este país fosse decente.”

Leonardo destaca as palavras sintomáticas de certa professora universitária: “As ‘brincadeiras infantis’ também podem envolver outros: meninos buscando conhecer o corpo de outros meninos e meninas buscando conhecer os próprios corpos e de outras meninas e meninos. Então, quando meninos e meninas brincam sexualmente com seus corpos, com outros meninos e meninas, eles não estão sendo gays ou lésbicas, quando fazem isso com pares do mesmo sexo. Não é disso que se trata. Que deixem as crianças brincarem em paz, isso as tornará adolescentes e adultos mais inteligentes e potencialmente mais perspicazes no enfrentamento e na transformação do mundo que lhes deixamos.”

Dentro da lógica acima, as crianças mais velhas terão passe livre para abusar sexualmente das crianças mais frágeis. As meninas não escaparão disso, já que podem ser bolinadas, manipuladas ou seviciadas por meninos mais velhos e até adultos. A tal professora entende que isso é apenas uma “descoberta” e que vai transformá-las em indivíduos mais inteligentes e potencialmente perspicazes! “Poucas vezes se viu uma apologia tão descarada do estupro infantil e da corrupção de menores. Que mundo maravilhoso [a professora] deixa como herança, não é mesmo?”, pergunta Leonardo.

No outro lado do espectro da sexualidade, aqueles que procuram ter relações íntimas apenas com pessoas com as quais tenham afetividade, num contexto de romantismo, são tidos como “demissexualizados”, ou algo assim (confira http://www.infobae.com/tendencias/2016/ ... -sexo/). Ou seja, o sexo que deveria ser o mais próximo do ideal, segundo os valores cristãos, é considerado anômalo. Na sociedade em que vivemos, homossexualidade, aborto, sexo entre crianças e coisas afins são tidas como normais, ao passo que a sexualidade expressa em um contexto de amor, fidelidade e compromisso passa a ser encarada como algo ultrapassado e até anormal. Total inversão de valores!

E, para concluir, outro tipo de decadência que desencadeia uma série de males: Brasil cai em ranking mundial de educação em ciências, leitura e matemática. Os dados são do Pisa, prova feita em 70 países, e foram divulgados nesta terça-feira; Brasil ficou na 63ª posição em ciências, na 59ª em leitura e na 66ª colocação em matemática (confira http://g1.globo.com/educacao/noticia/br ... .ghtml).

Arranca-se da família (em franca desestruturação) o papel educador quanto ao caráter e à sexualidade e entrega-se essa missão ao sistema educacional com sua agenda. Nas áreas humanas, nas universidades, perde-se tempo considerável discutindo “questões de gênero” e sexualidade, concluindo, assim, a modelagem do “cidadão do futuro”, esse mesmo que mal sabe interpretar um texto, fazer um cálculo ou discutir temas ligados à ciência (no caso específico do Brasil e de outros países desafortunados).

Alguma dúvida sobre quem está há um bom tempo orquestrando tudo isso? Percebe o tamanho do desafio que se impõe àqueles que receberam a ordem de Cristo de ir e pregar o evangelho a todas as pessoas (Mc 16:15)? Cada vez mais a mensagem do evangelho (que pode, de fato, nos dar esperança e garantir a mudança de dentro para fora) torna-se contracultural. Cada vez mais os cristãos serão vistos como “intrusos” em um mundo que desejam abençoar e salvar. Cada vez será mais difícil falar de criacionismo para quem não sabe o que é ciência; falar de lógica e linguagem divina para quem não compreende matemática; e falar de profecias e estudo bíblico para quem não sabe ler. Mesmo assim, a despeito de tudo isso, o desafio evangelístico de Cristo permanece e a promessa de que Ele estará conosco até o fim, também.

Não foi fácil para Noé. Não foi fácil para os primeiros cristãos no Império Romana. E não será fácil para nós. Mas temos que prosseguir mesmo assim.

Michelson Borges

Fonte: Criacionismo

http://www.criacionismo.com.br/2016/12/ ... edade.html
Suécia não quer ofender muçulmanos com Natal
Imagem
Respeito só para eles?

A esquerda socialdemocrata que governa a Suécia escreveu mais um capítulo da história de uma das nações mais prósperas da civilização ocidental que está se rendendo e capitulando sem lutar ante ao hegemonismo muçulmano. O órgão encarregado da administração do transporte público no país emitiu uma ordem proibindo a instalação de iluminação natalina nos postes de luz e de energia elétrica administrados pelo poder público. A alegação oficial é de que a proibição se deve a razões de segurança: segundo Eilin Isaksson, dirigente da entidade nacional de transportes, os postes de iluminação pública não teriam sido projetados para sustentar o peso da iluminação natalina, daí o motivo da proibição. Trata-se obviamente de um argumento que beira ao surrealismo. Não é preciso ser engenheiro para saber que a colocação de iluminação natalina em postes metálicos ou de concreto nunca representou risco à segurança em lugar algum do mundo. O fato é que a Suécia é uma sociedade que vive sob um transe mental criado pelo multiculturalismo e pelo politicamente correto, no qual as afirmações delirantes a respeito da realidade são tomadas como sendo expressão dessa realidade.

Exemplo disso são as chamadas “crianças” muçulmanas constantemente acusadas de práticas de crimes sexuais: essas supostas crianças são em geral homens muçulmanos na faixa etária de vinte anos ou mais, e que ingressam no país como refugiados mentindo na hora de declarar sua idade. Essa mentira é tomada como verdade e passa a ser repetida e difundida pelas autoridades do estado socialista que reina no país há décadas. A Suécia é também o lugar onde a lei permite, em nome da liberdade de expressão, ostentar a bandeira do Estado Islâmico. Mas essa mesma lei possibilita que qualquer cidadão seja preso e condenado por racismo ou islamofobia se emitir uma opinião contrária à política imigratória pró-muçulmana adotada há anos pela socialdemocracia que governa o país.

A Suécia é ainda o país onde autoridades religiosas supostamente cristãs defendem a remoção de símbolos cristãos das igrejas, para possibilitar que muçulmanos utilizem os templos para práticas religiosas islâmicas. E, por fim, é o país onde as mulheres vítimas de estupros praticados por muçulmanos são aconselhadas por lideranças feministas e por assistentes sociais a se acostumarem com o risco e adotar precauções, uma vez que o risco recorrente de estupro é um preço que valeria a pena pagar para a construção de uma sociedade multiculturalista.

A bem da verdade, a proibição de iluminação natalina nas vias públicas vem no bojo de medidas que visam, na prática, a adoção da sharia, a lei muçulmana que basicamente estabelece a superioridade dos muçulmanos em relação aos demais integrantes da sociedade. O objetivo último da proibição é o mesmo de outras medidas semelhantes: não ofender os muçulmanos. E para que a sharia se imponha, como querem e desejam os muçulmanos e a esquerda que governa o país, é necessário praticamente banir o que ainda resta de vestígio de cristianismo no país, e a imposição de restrições a celebrações natalinas faz parte desse esforço. A proibição irá afetar principalmente as pequenas cidades, tanto em termos de tradição quanto em termos de atividade econômica.

A perseguição cultural ao cristianismo e a concessão permanente de direitos excepcionais aos muçulmanos são uma constante na vida pública sueca. No ano passado, a programação especial de véspera de Natal na televisão pública sueca foi transmitida por uma mulher muçulmana. Ainda esse ano, algumas localidades suecas iniciaram um programa de benefícios sociais, que incluem até mesmo a concessão de carteira de motorista a custo zero para militantes jihadistas do Estado Islâmico originários da Suécia que desejassem retornar ao país, sob pretexto de ajudá-los a se reintegrar na sociedade.

A Suécia é um país de 9,5 milhões de habitantes, cuja população muçulmana corresponde a 5% desse total. Somente em 2015, o país recebeu oficialmente 163 mil supostos refugiados muçulmanos. Os números podem ser maiores, pois o controle de imigração não é tão rígido. Tomando-se o número oficial de supostos refugiados e comparando com a população, seria o mesmo que o Brasil receber em um único ano cerca de 3,5 milhões de estrangeiros, em sua esmagadora maioria homens em idade militar, a quem fossem assegurados uma Bolsa Família e benefícios sociais de todo tipo, incluindo moradia e previdência social.

Não existe estrutura ou estado de bem-estar social capaz de suportar tal demanda. O resultado inevitável será o colapso do sistema e o acirramento de tensões sociais, como já ocorre na Suécia há anos com a onda de estupros e violência de gangs muçulmanas. Mas é exatamente para isso que a política de abertura de fronteiras para invasores muçulmanos foi adotada pela esquerda marxista de extração socialdemocrata que governa o país há décadas. Resta aos suecos perceber que o inimigo da sociedade sueca é a esquerda que quer desmantelar essa mesma sociedade, e que os muçulmanos [radicais] são o Cavalo de Troia trazido para dentro de seus portões.

(Crítica Nacional - https://criticanacional.wordpress.com/2 ... manos/)

Imagem

Nota: Não quero, com a reprodução desse texto aqui, dar a ideia de que sou contra os praticantes da religião de Maomé. Não ignoro o fato de que muitas dessas pessoas são pacifistas e ordeiras, e que precisamos manter um diálogo respeitoso com elas. E também não ignoro outro fato: de que há cristãos que não merecem esse nome. Mas uma coisa é certa: a islamização da Europa ocorre porque o cristianismo lá está perdendo sua força. E por quê? Porque os cristãos, de modo geral, perderam a noção do poder do cristianismo; do Jesus cuja tumba está vazia; da religião que abalou o império romano e pode mudar vidas. O cristianismo se tornou apenas uma tradição. Na França, houve até proibição de se montarem presépios nas ruas, também para não ofender os muçulmanos. Alguém está preocupado com os cristãos que vêm sendo sistematicamente mortos por radicais islâmicos em países de maioria muçulmana? Alguém está preocupado em lutar pelos direitos dos cristãos nesses países? Mundo injusto...

Michelson Borges

Fonte: http://www.criacionismo.com.br/2016/12/ ... s-com.html

Avatar do usuário
Anri, Comedora de Casada
Membro
Membro
Mensagens: 21330
Registrado em: 07 Mai 2010, 19:59
Programa CH: La Chicharra
Localização: The Twilight Zone
Curtiu: 496 vezes
Curtiram: 3238 vezes

Re: Religião

Mensagem por Anri, Comedora de Casada » 06 Dez 2016, 20:20

Meu deus, esse Michelson Borges precisa ser internado urgentemente. Nunca vi retardo mental tão severo.
Esses usuários curtiram o post de Anri, Comedora de Casada (total: 1):
Bugiga
Antonio Felipe escreveu:Ô, meu, você não tem nada pra fazer, não?

Avatar do usuário
BrendaMarzipan
Membro
Membro
Mensagens: 8506
Registrado em: 29 Nov 2011, 10:03
Programa CH: Chapolin
Time de Futebol: gremio
Curtiu: 321 vezes
Curtiram: 291 vezes

Re: Religião

Mensagem por BrendaMarzipan » 06 Dez 2016, 20:34

iago83 escreveu:Não foi fácil para Noé.
Pois é, como as pessoas da época ousaram duvidar de um velho caduco de bengala falando que Deus ia fazer chover até o mundo todo ser coberto de água?

iago83
Membro
Membro
Mensagens: 3178
Registrado em: 27 Set 2011, 14:42
Programa CH: Chaves
Curtiu: 29 vezes
Curtiram: 158 vezes

Re: Religião

Mensagem por iago83 » 06 Dez 2016, 22:33

Bruce Dubber escreveu:
iago83 escreveu:Não foi fácil para Noé.
Pois é, como as pessoas da época ousaram duvidar de um velho caduco de bengala falando que Deus ia fazer chover até o mundo todo ser coberto de água?
Sim, Noé pregou a mensagem que viria um dilúvio. E as pessoas chamaram Noé de caduco e de gagá, até que veio o dilúvio. E elas ficaram desesperadas, querendo ser salvas. Mas aí já era tarde demais.

Lembrem-se que a volta de Cristo vai ser como um ladrão que vem durante a noite.

Avatar do usuário
Chokito Cabuloso
Membro
Membro
Mensagens: 5672
Registrado em: 28 Jun 2013, 18:49
Programa CH: Chespirito
Time de Futebol: Ed Gein FC
Localização: Centro de Atenção Integrada à Saúde Mental - Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo
Curtiu: 16 vezes
Curtiram: 320 vezes

Re: Religião

Mensagem por Chokito Cabuloso » 06 Dez 2016, 22:56

Eu irei bater um escanteio enorme, mas falando sério, por que Jesus voltaria como ladrão?
Imagem

Avatar do usuário
Bugiga
Moderador
Moderador
Mensagens: 4442
Registrado em: 06 Fev 2009, 23:33
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Inter
Localização: Porto Alegre - RS
Curtiu: 3267 vezes
Curtiram: 1155 vezes

Re: Religião

Mensagem por Bugiga » 06 Dez 2016, 22:58

Cabrón Trump escreveu:Eu irei bater um escanteio enorme, mas falando sério, por que Jesus voltaria como ladrão?
No sentido de chegar de surpresa, sem aviso.

Em suma, sentido figurado.
Puxa! Re-Puxa! Super-Ultra-Puxa!

Avatar do usuário
Chokito Cabuloso
Membro
Membro
Mensagens: 5672
Registrado em: 28 Jun 2013, 18:49
Programa CH: Chespirito
Time de Futebol: Ed Gein FC
Localização: Centro de Atenção Integrada à Saúde Mental - Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo
Curtiu: 16 vezes
Curtiram: 320 vezes

Re: Religião

Mensagem por Chokito Cabuloso » 06 Dez 2016, 23:10

É verdade, eu levei pro literal. Na verdade a minha duvida era pelo dito que Jesus se disfarça de mendigo pra testar a bondade dos homens.
Imagem

Avatar do usuário
Guarda
Membro
Membro
Mensagens: 353
Registrado em: 12 Jan 2012, 12:06
Programa CH: Chapolin
Time de Futebol: Pirapora-do-Passa-Quatro FC
Curtiu: 102 vezes
Curtiram: 113 vezes

Re: Religião

Mensagem por Guarda » 07 Dez 2016, 01:57

iago83 escreveu:
Bruce Dubber escreveu:
iago83 escreveu:Não foi fácil para Noé.
Pois é, como as pessoas da época ousaram duvidar de um velho caduco de bengala falando que Deus ia fazer chover até o mundo todo ser coberto de água?
Sim, Noé pregou a mensagem que viria um dilúvio. E as pessoas chamaram Noé de caduco e de gagá, até que veio o dilúvio. E elas ficaram desesperadas, querendo ser salvas. Mas aí já era tarde demais.

Lembrem-se que a volta de Cristo vai ser como um ladrão que vem durante a noite.
como que era tarde demais? era só jogar uma porra de uma cordinha ou uma escada caceta.
além de caduco era psicopata o veio, ainda bem q eu descendo da linhagem dos guardas.
pasa o zap gostosa

iago83
Membro
Membro
Mensagens: 3178
Registrado em: 27 Set 2011, 14:42
Programa CH: Chaves
Curtiu: 29 vezes
Curtiram: 158 vezes

Re: Religião

Mensagem por iago83 » 07 Dez 2016, 06:00

Guarda escreveu:
iago83 escreveu:
Bruce Dubber escreveu:
iago83 escreveu:Não foi fácil para Noé.
Pois é, como as pessoas da época ousaram duvidar de um velho caduco de bengala falando que Deus ia fazer chover até o mundo todo ser coberto de água?
Sim, Noé pregou a mensagem que viria um dilúvio. E as pessoas chamaram Noé de caduco e de gagá, até que veio o dilúvio. E elas ficaram desesperadas, querendo ser salvas. Mas aí já era tarde demais.

Lembrem-se que a volta de Cristo vai ser como um ladrão que vem durante a noite.
como que era tarde demais? era só jogar uma porra de uma cordinha ou uma escada caceta.
além de caduco era psicopata o veio, ainda bem q eu descendo da linhagem dos guardas.
Havia um anjo protegendo a entrada da arca.

Avatar do usuário
Chokito Cabuloso
Membro
Membro
Mensagens: 5672
Registrado em: 28 Jun 2013, 18:49
Programa CH: Chespirito
Time de Futebol: Ed Gein FC
Localização: Centro de Atenção Integrada à Saúde Mental - Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo
Curtiu: 16 vezes
Curtiram: 320 vezes

Re: Religião

Mensagem por Chokito Cabuloso » 07 Dez 2016, 06:20

Guarda escreveu:
iago83 escreveu:
Bruce Dubber escreveu:
iago83 escreveu:Não foi fácil para Noé.
Pois é, como as pessoas da época ousaram duvidar de um velho caduco de bengala falando que Deus ia fazer chover até o mundo todo ser coberto de água?
Sim, Noé pregou a mensagem que viria um dilúvio. E as pessoas chamaram Noé de caduco e de gagá, até que veio o dilúvio. E elas ficaram desesperadas, querendo ser salvas. Mas aí já era tarde demais.

Lembrem-se que a volta de Cristo vai ser como um ladrão que vem durante a noite.
como que era tarde demais? era só jogar uma porra de uma cordinha ou uma escada caceta.
além de caduco era psicopata o veio, ainda bem q eu descendo da linhagem dos guardas.
Mas a arca era alta, os hereges precisariam de uma bat-garra! Ainda assim eu vejo Noé lá em cima desenganchando o arpão ou, na tua sugestão, empurrando a escada quando as pessoas estavam apenas há alguns degraus do final, pra só depois olhá-las caindo e se afogando com um sorrisinho no rosto.
Imagem

Avatar do usuário
Barbano
Administrador
Administrador
Mensagens: 41777
Registrado em: 28 Jan 2009, 13:29
Time de Futebol: São Paulo
Localização: São Carlos (SP)
Curtiu: 1892 vezes
Curtiram: 3807 vezes

Re: Religião

Mensagem por Barbano » 07 Dez 2016, 07:53

iago83 escreveu:
Guarda escreveu:como que era tarde demais? era só jogar uma porra de uma cordinha ou uma escada caceta.
além de caduco era psicopata o veio, ainda bem q eu descendo da linhagem dos guardas.
Havia um anjo protegendo a entrada da arca.
Nossa, que anjo gente boa. Vê todo mundo morrendo afogado e fala "aqui não, violão!". Acho que nem um diabinho faria melhor.

Avatar do usuário
Ecco - Kiko Botones is my life
Membro
Membro
Mensagens: 11468
Registrado em: 21 Abr 2010, 17:33
Programa CH: Chespirito
Time de Futebol: Inter
Localização: Ponta Grossa
Curtiu: 23 vezes
Curtiram: 88 vezes

Re: Religião

Mensagem por Ecco - Kiko Botones is my life » 07 Dez 2016, 08:22

Barbano escreveu:
iago83 escreveu:
Guarda escreveu:como que era tarde demais? era só jogar uma porra de uma cordinha ou uma escada caceta.
além de caduco era psicopata o veio, ainda bem q eu descendo da linhagem dos guardas.
Havia um anjo protegendo a entrada da arca.
Nossa, que anjo gente boa. Vê todo mundo morrendo afogado e fala "aqui não, violão!". Acho que nem um diabinho faria melhor.
Só passava quem era omi hétero branco :vamp:
MEMBRO DO FÓRUM CHAVES
Imagem

- Moderador DDNL / Fonte dos Desejos (2010-2011)
- Moderador global (2011-2012)
- Viado (1996-2010)
- Campeão do Quiz Premiado do Fórum Chaves (2010)
- Campeão do Winner Futebol Game (2010)
- Campeão da Chapoliga (2010)
- Usuário do ano de 2010
- Campeão da Casa dos Chavesmaníacos 9 (2011)
- Campeão do Torneio GUF (2011)
- Vice-campeão do Big Chaves Brasil (2012)
- Campeão da Copa Haxball do Fórum Chaves (2012)
- Amigo do Nelson Machado

Avatar do usuário
Chokito Cabuloso
Membro
Membro
Mensagens: 5672
Registrado em: 28 Jun 2013, 18:49
Programa CH: Chespirito
Time de Futebol: Ed Gein FC
Localização: Centro de Atenção Integrada à Saúde Mental - Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo
Curtiu: 16 vezes
Curtiram: 320 vezes

Re: Religião

Mensagem por Chokito Cabuloso » 07 Dez 2016, 08:41

Eu concordo com os anjos, as pessoas tiveram seu tempo em se arrepender, mas só se deram conta de Deus quando tudo alagava? Tão pouco, tão tarde. E não, Noé não era de direita, todos morreram igualmente, menos os animais porque ele era da Peta. No fundo foi uma vingança pois os humanos daquela época usavam muita pele.
Imagem

iago83
Membro
Membro
Mensagens: 3178
Registrado em: 27 Set 2011, 14:42
Programa CH: Chaves
Curtiu: 29 vezes
Curtiram: 158 vezes

Re: Religião

Mensagem por iago83 » 12 Dez 2016, 13:41

Depois de bruxos e vampiros, é a vez dos anjos caídos
Imagem
Triângulo amoroso com demônios

Lucinda Price ou simplesmente “Luce” é uma adolescente desajustada que descobre um “fator místico” capaz de justificar sua existência. A história foi escrita para o público adolescente e, portanto, é carregada de romance e aventuras. A fórmula não tem mais nada de novo. Novos, mesmo, são os protagonistas “místicos” da história: desta vez são anjos. O filme Fallen foi lançado ontem e tem como base o best-seller homônimo de Lauren Kete. Na descrição do site da revista Veja, “Luce tem uma relação especial com Daniel Grigori, o clássico bonitão-solitário-enigmático, que, com a sua atitude hostil, esconde seu passado, quando era um anjo e se recusou a escolher um lado na luta entre Deus e o Demônio, em nome do amor por uma mortal (a Lucinda das vidas passadas). Descontente com a situação, Lúcifer jogou uma maldição sobre o casal, pela qual a garota iria morrer sempre que consumasse seu amor por Daniel, que viria a reencontrar pela eternidade, enquanto ele permaneceria vivo e jovem como um vampiro.”

Cam Briel é um anjo partidário de Lúcifer e tudo indica que a função dele era matar Luce, mas ele se apaixona pela moça e passa a lutar pelo amor dela. E assim está criado o triângulo amoroso: Daniel, o misterioso jovem, a mocinha mártir e Cam. O trio principal e os outros anjos caídos – daí o nome Fallen (caído, em português) –, frequentam o reformatório Sword & Cross para adolescentes problemáticos e reduto da juventude criminosa de Angel Groove, a cidade em que se passa a trama.

Em entrevista concedida anos atrás, Kete disse: “Eu não imaginava que histórias de anjos caídos pudessem se tornar tão populares, e tem sido realmente divertido e estranho ver quantos autores estão se debruçando sobre histórias de anjos neste momento. Eu creio num inconsciente criativo coletivo e faz sentido que as narrativas de anjos estejam no centro desse inconsciente coletivo, agora.”

Não há nada de divertido e estranho em brincar com demônios. Discordo de Kete quando menciona o tal “inconsciente criativo”. Acredito que existe por trás dessas histórias um ser bem consciente do que está fazendo ao inspirar escritores cuja temática tem que ver com bruxaria, vampirismo, reencarnação e demônios, sim, porque, se é que as pessoas não sabem, anjos caídos são demônios. Creio em uma clara orquestração cultural diabólica que vem encantando fortemente as gerações nos últimos dez, vinte anos. O que começou com o inocente bruxinho Harry Potter, avançou pelos românticos e belos vampiros e culminou com anjos caídos. Multidões de crianças e adolescentes cresceram lendo livros com essas temáticas. E foram brindadas com a transposição para o cinema de suas histórias favoritas, o que garantiu, também, que mais pessoas fossem “encantadas”, algumas das quais nunca haviam pego esses livros na mão. Numa retroalimentação, os livros alimentaram o cinema que, por sua vez, ajudou a promover maior venda dos livros.

O ápice dessa orquestração satânica chega agora às telas. Fallen tem tudo o que o diabo gosta: relativização do mal; identificação dos leitores/telespectadores com os demônios e sua causa (retomar seu lugar “injustamente” perdido no Céu); reencarnação e vidas passadas; fluxo temporal eterno, sem fim ou desfecho (volta de Jesus e destruição do mal); afastamento dos conceitos bíblicos relacionados com anjos, Deus, grande conflito, etc., substituídos por uma versão mítica, maquiada, distorcida e diabólica. Sem contar a falsa ideia de que anjos e pessoas pudessem permanecer neutros na luta entre o bem e o mal.

Você consegue imaginar a dificuldade em falar da Bíblia para uma geração que foi preparada para ouvir de tudo, menos a verdade? Esse é o desafio dos cristãos nos dias de hoje, e eles têm que encará-lo de frente, por amor aos que vivem e perecem na ilusão da mentira – ilusão tão grande e encantadora que faz com que mesmo jovens cristãos, depois de ler um texto como este, digam: “Nada a ver. É apenas um tipo de diversão sem maiores consequências.”

Somente com o poder do Espírito Santo e com muito trabalho evangelístico contextualizado e focado esse encanto poderá ser quebrado.

Michelson Borges

Fonte: Criacionismo

http://www.criacionismo.com.br/2016/12/ ... z-dos.html

[youtube16x9]

[youtube16x9]

Responder