Fórum Portal Vídeos Guia de Episódios Sobre



Todos os horários são GMT - 3 horas


Portal Chespirito



Criar novo tópico Responder  [ 642 mensagens ]  Ir para página Anterior  1 ... 35, 36, 37, 38, 39, 40, 41 ... 43  Próximo
  Exibir página para impressão

Re: PMDB • Um dos partidos mais corruptos do Brasil, o antigo PMDB, mudou de nome, mas os corruptos continuam
Autor Mensagem
MensagemEnviado: 27 Out 2017, 12:38 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 29 Dez 2015, 14:02
Mensagens: 7635
Localização: Dourados-MS
Curtiu: 935 vezes
Foi curtido: 576 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Santos
Me contaram dessa e fui logo ver o vídeo. Além do cara ser um puta dum baba-ovo do Temer, passa vergonha ao vivo.

_________________
JF CHmaníaco
Usuário do Fórum Chaves desde 29 de Dezembro de 2015
Campeão do De Que Episódio é Essa Foto? - Edição 2016
Usuário do Mês de Outubro/2016


IgorBorgesCH escreveu:
Engraçado esse pessoal... ficam ansiosos, alegres, sonhando com o impossível e quando a realidade vem à tona, ficam todos tristes, como se tivesse acontecido a pior coisa do mundo.


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: PMDB • Um dos partidos mais corruptos do Brasil, o antigo PMDB, mudou de nome, mas os corruptos continuam
MensagemEnviado: 04 Nov 2017, 05:35 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Mensagens: 70755
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 4319 vezes
Foi curtido: 1031 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
O GLOBO

Afastados desde o impeachment de Dilma Rousseff, PT e PMDB já negociam alianças eleitorais locais em pelo menos seis estados :
. Alagoas
. Ceará
. Minas Gerais
. Paraná
. Piauí
. Sergipe.

Em alguns casos, se conseguir ser candidato, o ex-presidente Lula, defensor da tese de que o afastamento de Dilma foi um “golpe”, deve dividir o palanque com políticos que inclusive votaram a favor da saída da petista, como os senadores peemedebistas Renan Calheiros (AL) e Eunício Oliveira (CE).

No plano nacional, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva deverá martelar a tecla de que o impeachment de Dilma foi um “golpe”. Mas, quando subir nos palanques de ao menos seis estados brasileiros, o petista vai estar lado a lado com os “golpistas” que sempre atacou.

Os exemplos mais notórios são os dos senadores peemedebistas Renan Calheiros e Eunício Oliveira, que deram votos favoráveis à saída da ex-presidente, afastada por 61 a 20 no Senado em 30 de agosto de 2016.

Mas não é só nas Alagoas de Renan ou no Ceará de Eunício que as conversas entre petistas e peemedebistas estão aceleradas para alianças nas eleições de 2018. Além desses dois, há negociações em Minas Gerais, Piauí, Sergipe e Paraná.

Ao menos nesses seis estados, PT e PMDB, além de outros partidos da base que apoiaram o impeachment, já deflagraram negociações para alianças locais. Em Minas Gerais, se Dilma Rousseff conseguir a vaga para disputar o Senado, o PMDB pode integrar a sua chapa.

A explicação para essa aparente contradição de princípios é, acima de tudo, pragmática. Em especial no Nordeste, onde Lula chega a ter mais de 50% segundo as pesquisas de intenção de voto, a aliança interessa aos dois lados : para o petista, ter candidatos fortes pode impulsionar ainda mais suas possibilidades; para os “ex-golpistas”, ir contra um político tão popular pode complicar as eleições.

O líder do PT na Câmara, deputado Carlos Zarattini (SP), confirmou que existem conversas informais nos estados onde os dois partidos já tinham aliança, que perduraram apesar do impeachment e da implosão das relações em Brasília.
— Eventualmente, há conversas nos estados, de maneira informal. São conversas nos estados onde já temos alianças e que perduraram — afirmou o deputado.

No Ceará, Eunício já declarou voto em Lula se o PMDB não tiver candidato à Presidência, o cenário mais provável atualmente, já que o presidente Michel Temer tem menos de 10% de aprovação e não há qualquer nome competitivo dentro do partido.

Segundo aliados, Eunício inclusive vem se aproximando do atual governador e candidato à reeleição, Camilo Santana (PT). A ideia é que o senador apoie a reeleição de Santana e seja o candidato ao Senado em uma chapa conjunta.
— Se não houver um entendimento nacional, se não houver uma aliança local que me obrigue a agir diferente, eu sou eleitor do Lula — disse o presidente do Senado há cerca de duas semanas.

Em Minas Gerais, o governador Fernando Pimentel (PT) pode ter como vice o presidente da Assembleia Legislativa, Adalclever Lopes, do PMDB. O deputado estadual é cotado para ser o vice de Fernando Pimentel porque o atual, Toninho Andrade, afastou-se do governador desde o processo de impeachment de Dilma, quando Michel Temer assumiu o comando do país.

Imagem
Em Alagoas, Renan Calheiros há meses assumiu discurso de ataque ao governo Temer e se aproximou do PT e de Lula. No dia 22 de agosto, Renan foi às margens do Rio São Francisco se encontrar com Lula, em Penedo (AL).

A ruptura com Temer fez com que Renan saísse do cargo de líder do PMDB no Senado. Ele mirou, segundo aliados, na realidade de Alagoas, onde Lula tem cerca de 70% de popularidade.

Segundo um aliado, Renan não poderia "brigar com a realidade" ou colocaria em risco sua campanha para o Senado e a reeleição do filho, Renan Filho, como governador.

Na caravana pelo Nordeste, em agosto, Lula foi só elogios a Renan e ao ex-presidente José Sarney, ligadíssimo a Temer.
— O Renan pode ter todos os defeitos. Agora, o Renan me ajudou a governar este país. Sou grato ao Sarney, é importante dizer. Eu sou grato ao Sarney como presidente do Senado — disse Lula, na ocasião.

Imagem
No Paraná, as negociações são entre o senador Roberto Requião (PMDB-PR) e a presidente nacional do PT, senadora Gleisi Hoffmann (PTPR). Roberto Requião é dissidente dentro do PMDB, foi contra o impeachment e constantemente conversa com Lula. Por enquanto, a ideia é que Roberto Requião seja candidato ao Senado novamente e que apoie um nome do PT para disputar o governo do estado.

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: PMDB • Um dos partidos mais corruptos do Brasil, o antigo PMDB, mudou de nome, mas os corruptos continuam
MensagemEnviado: 05 Nov 2017, 03:53 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Mensagens: 70755
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 4319 vezes
Foi curtido: 1031 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
https://oglobo.globo.com/brasil/marqueteiro-relata-caixa-dois-de-cabral-paes-pezao-pedro-paulo-22030783

Imagem
Em acordo de colaboração premiada fechado com a Procuradoria-Geral da República (PGR), o marqueteiro Renato Pereira afirma que o governador do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão, o ex-prefeito Eduardo Paes, o ex-candidato a prefeito e deputado federal Pedro Paulo (PMDB-RJ) e o ex-governador Sérgio Cabral participaram diretamente da negociação de pagamentos em dinheiro e fora da contabilidade oficial de suas respectivas campanhas políticas feitas entre 2010 e 2016.

Os detalhes do caixa 2 constam da colaboração que está em fase de homologação no gabinete do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Ricardo Lewandowski.

Em seu relato, Renato Pereira descreve a mesma rotina com os candidatos do PMDB para os quais trabalhou na última década : ele ou seus sócios recebiam malas ou sacolas de dinheiro pessoalmente, entregues por emissários dos políticos do partido ou repassados por representantes de empresas fornecedoras dos governos estadual e municipal, entre eles as construtoras Andrade Gutierrez e Odebrecht, além de empresas de transporte de Jacob Barata.

Imagem

O delator também conta como a agência por meio da qual se estabeleceu no mercado, a Prole Serviços de Propaganda, influenciou contratos de publicidade de governos no Rio nos últimos dez anos. As contas foram direcionadas para a própria Prole ou a empresas sugeridas por ela — que, com isso, eram obrigadas a compartilhar uma parte dos lucros. Segundo o delator, o irmão de Sérgio Cabral, o publicitário Maurício Cabral, também tinha participação nos resultados dos contratos influenciados pela Prole.

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: PMDB • Um dos partidos mais corruptos do Brasil, o antigo PMDB, mudou de nome, mas os corruptos continuam
MensagemEnviado: 14 Nov 2017, 06:19 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Mensagens: 70755
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 4319 vezes
Foi curtido: 1031 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
https://oglobo.globo.com/brasil/cadeia-velha-pf-cumpre-mandado-de-prisao-contra-filho-de-picciani-empresarios-de-onibus-procuradores-vao-pedir-que-presidente-da-alerj-seja-detido-22066765

Imagem

Na mais importante ofensiva contra a corrupção no Rio de Janeiro desde a prisão do ex-governador Sérgio Cabral (PMDB), em novembro do ano passado, a Procuradoria Regional da República da 2ª Região (PRR-2), em parceria com a Polícia Federal (PF), desencadeou na manhã desta terça-feira a operação "Cadeia Velha".

A PF está nas ruas para cumprir mandados de prisão contra Felipe Picciani, filho do presidente da Alerj, o deputado Jorge Picciani (PMDB), e também gerente da Agrobilara, a empresa que conduz os negócios da família.

Há ainda mandados de busca e apreensão nos gabinetes da presidência da Alerj e de Picciani, e dos deputados Paulo Melo e Edson Albertassi, todos do PMDB. Os procuradores também vão pedir a prisão dos parlamentares.

Os mandados de prisão se estendem a empresários ligados a Fetranspor, Lélis Teixeira, José Carlos Lavouras e Jacob Barata.

Imagem

Jorge Picciani, Melo e Albertassi só não serão presos neste momento porque a Constituição estadual, no Artigo 120, estabelece como única possibilidade de prisão provisória o flagrante de crime inafiançável, à exceção de casos com licença prévia da Alerj. Mas as três prisões não estão descartadas. No mesmo instante em que operação ocorre, os procuradores regionais da República responsáveis vão pedir ao Tribunal Regional Federal da 2ª Região (TRF-2), fórum competente para o caso, que considere flagrantes os crimes atribuídos a Picciani, Melo e Albertassi.

A PRR-2 vai pedir as prisões preventivas e em flagrante dos parlamentares. No mesmo pedido enviado ao TRF-2 foi solicitado também o afastamento imediato dos alvos de suas funções políticas na Assembleia.

Os procuradores sustentam que o flagrante existe porque o trio de parlamentares comete até hoje crime continuado de lavagem de dinheiro, já que o esquema não cessou, de acordo com a investigação.

Este pedido será submetido pelo relator do caso, desembargador Abel Gomes, ao colegiado da Seção Criminal do TRF-2, formada pelos seis desembargadores das turmas de Direito Penal, em sessão especial ainda nesta segunda-feira.

Imagem
Deputados estaduais, empresários e intermediários são acusados de manter uma caixinha de propina destinada à compra de decisões na Assembleia Legislativa do Rio (Alerj) para o setor de transportes. O esquema, concluíram os investigadores, teria começado nos anos 1990, por Sérgio Cabral, e hoje seria comandado pelo presidente da Casa, deputado Jorge Picciani, por seu antecessor, deputado Paulo Melo, e pelo líder do governo Edson Albertassi, caciques do PMDB fluminense.

Estão ainda na lista de presos os principais nomes da cúpula da Federação das Empresas de Transportes de Passageiros do Estado do Rio (Fetranspor), Lélis Teixeira (presidente), José Carlos Lavouras e Jacob Barata Filho, todos alvos da primeira fase da Operação "Ponto Final", deflagrada em julho, e que haviam sido libertados por liminar do ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF).

As investigações mostraram e detalharam o funcionamento da "caixinha da Fetranspor", como ficou conhecido o esquema de propina bancado pelos empresários de ônibus.

Os pagamentos efetuados pelo sistema Fetranspor serviam para garantir benefícios relacionados a linhas de ônibus, aumento de tarifas, isenções fiscais e outros interesses do setor que passavam pela Alerj, sustentam os investigadores.

Cerca de 8 mil e-mails interceptados nas quebras de sigilos telemáticos dos envolvidos ajudaram a revelar a rede de relações entre empresários, parlamentares e assessores, incluindo até nomeações de juízes.

A "caixinha da Fetranspor", como demonstraram as investigações, começou no início dos anos 1990, com a Alerj sob o comando de Sérgio Cabral, sendo herdada por seus dois sucessores, Jorge Picciani (2003-2010 e 2015 em diante) e Melo (2011-2015).

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: PMDB • Um dos partidos mais corruptos do Brasil, o antigo PMDB, mudou de nome, mas os corruptos continuam
MensagemEnviado: 16 Nov 2017, 16:13 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Mensagens: 70755
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 4319 vezes
Foi curtido: 1031 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
https://g1.globo.com/rj/rio-de-janeiro/noticia/jorge-picciani-se-entrega-na-sede-da-pf-no-rio.ghtml

O presidente da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), Jorge Picciani, e o ex-ocupante do cargo, Paulo Melo, se entregaram na sede da Polícia Federal na tarde desta quinta-feira (16).

A Justiça expediu os mandados de prisão deles e de Edson Albertassi, todos do PMDB, horas antes. A decretação da prisão ocorreu após sessão no Tribunal Regional Federal da 2ª Região (TRF-2) na tarde desta quinta-feira (16).

O MPF pediu as prisões do trio com base nas investigações da operação Cadeia Velha, que apura pagamentos de propinas a agentes públicos por empresários do setor de transportes.

Ainda segundo o entendimento do TRF-2, cabe ao plenário da Assembleia Legislativa do Rio (Alerj) analisar se os deputados permanecerão presos. Uma sessão extraordinária da Alerj deve ocorrer nesta sexta-feira.

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: PMDB • Um dos partidos mais corruptos do Brasil, o antigo PMDB, mudou de nome, mas os corruptos continuam
MensagemEnviado: 17 Nov 2017, 15:37 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Mensagens: 70755
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 4319 vezes
Foi curtido: 1031 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
PMDB do Rio de Janeiro e seus aliados no Estado do Rio de Janeiro consegue os votos suficientes na Alerj para tirar Jorge Picciani da cadeia - https://www.oantagonista.com/sem-categoria/alerj-revoga-prisao-de-picciani/

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: PMDB • Um dos partidos mais corruptos do Brasil, o antigo PMDB, mudou de nome, mas os corruptos continuam
MensagemEnviado: 17 Nov 2017, 16:46 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Mensagens: 70755
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 4319 vezes
Foi curtido: 1031 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
Deputados estaduais que votaram a favor de Jorge Picciani :

Imagem

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: PMDB • Um dos partidos mais corruptos do Brasil, o antigo PMDB, mudou de nome, mas os corruptos continuam
MensagemEnviado: 17 Nov 2017, 19:39 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 30 Dez 2014, 15:39
Mensagens: 839
Curtiu: 31 vezes
Foi curtido: 80 vezes
Programa CH: Chapolin
Time de Futebol: Tenho não
Se fôssemos um país sério, nenhum desses teria um voto sequer ano que vem. Mas o brasileiro tem memória curta...

_________________
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: PMDB • Um dos partidos mais corruptos do Brasil, o antigo PMDB, mudou de nome, mas os corruptos continuam
MensagemEnviado: 17 Nov 2017, 19:56 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 04 Dez 2011, 22:00
Mensagens: 26776
Curtiu: 2337 vezes
Foi curtido: 1467 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Palmeiras
Até do PSOL :o


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: PMDB • Um dos partidos mais corruptos do Brasil, o antigo PMDB, mudou de nome, mas os corruptos continuam
MensagemEnviado: 18 Nov 2017, 02:19 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 01 Fev 2009, 19:39
Mensagens: 70755
Localização: Rio de Janeiro (RJ)
Curtiu: 4319 vezes
Foi curtido: 1031 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Flamengo
https://g1.globo.com/politica/noticia/justica-do-df-condena-renan-calheiros-a-perder-o-mandato-e-direitos-politicos.ghtml

Imagem

A Justiça do Distrito Federal condenou o senador Renan Calheiros (PMDB-AL) a perder o mandato e ainda suspendeu seus direitos políticos por oito anos por improbidade administrativa, motivada por enriquecimento ilícito e recebimento de vantagem patrimonial indevida.

Quem deu a sentença foi o juiz Waldemar Carvalho, da 14ª Vara Federal.

Renan Calheiros pode recorrer da decisão sem deixar o cargo.

O processo é relacionado ao caso do pagamento de pensão a um filho que Renan Calheiros teve fora do casamento.

_________________
Imagem
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: PMDB • Um dos partidos mais corruptos do Brasil, o antigo PMDB, mudou de nome, mas os corruptos continuam
MensagemEnviado: 18 Nov 2017, 12:19 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 30 Abr 2010, 16:00
Mensagens: 17644
Localização: Rio de Janeiro - RJ
Curtiu: 1142 vezes
Foi curtido: 601 vezes
Programa CH: Chapolin
Victor235 escreveu:
Até do PSOL :o

Que foi expulso do partido depois disso.

_________________
Trakt.tv | Last.fm

Moderador do TV de Segunda Mão (Novembro de 2010 / Novembro de 2013).
Moderador do Da Discussão Nasce a Luz! (Maio de 2014 / Novembro de 2014).
Moderador Global desde Novembro de 2014.
No Meio CH desde 2010.


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: PMDB • Um dos partidos mais corruptos do Brasil, o antigo PMDB, mudou de nome, mas os corruptos continuam
MensagemEnviado: 18 Nov 2017, 18:17 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 21 Out 2014, 18:50
Mensagens: 6039
Localização: São Paulo - SP
Curtiu: 360 vezes
Foi curtido: 629 vezes
Programa CH: Chapolin
Expulso porque defendeu a corrupção errada.

_________________
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: PMDB • Um dos partidos mais corruptos do Brasil, o antigo PMDB, mudou de nome, mas os corruptos continuam
MensagemEnviado: 19 Nov 2017, 08:22 
Offline
Avatar do usuário
Administrador

Registrado em: 28 Jan 2009, 13:29
Mensagens: 37688
Localização: São Carlos (SP)
Curtiu: 1568 vezes
Foi curtido: 3013 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: São Paulo
Verdade. Se fosse "contra o golpe, em defesa da democracia", seria elogiado.

_________________
Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: PMDB • Um dos partidos mais corruptos do Brasil, o antigo PMDB, mudou de nome, mas os corruptos continuam
MensagemEnviado: 23 Nov 2017, 20:16 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 04 Dez 2011, 22:00
Mensagens: 26776
Curtiu: 2337 vezes
Foi curtido: 1467 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Palmeiras
CLICK. Para acabar com as especulações de que atua contra Carlos Marun (à dir.), o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, pediu à Coluna que fizesse a foto.

Imagem
Foto: Andreza Matais
COLUNA DO ESTADÃO / ESTADÃO


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Re: PMDB • Um dos partidos mais corruptos do Brasil, o antigo PMDB, mudou de nome, mas os corruptos continuam
MensagemEnviado: 23 Nov 2017, 20:36 
Offline
Avatar do usuário
Membro

Registrado em: 04 Dez 2011, 22:00
Mensagens: 26776
Curtiu: 2337 vezes
Foi curtido: 1467 vezes
Programa CH: Chaves
Time de Futebol: Palmeiras
Imagem

Kátia Abreu foi expulsa do PMDB: https://www.msn.com/pt-br/noticias/cris ... ar-BBFy3Er


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Exibir mensagens anteriores:  Ordenar por  
Criar novo tópico Responder  [ 642 mensagens ]  Ir para página Anterior  1 ... 35, 36, 37, 38, 39, 40, 41 ... 43  Próximo

Todos os horários são GMT - 3 horas


Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 2 visitantes


Enviar mensagens: Proibido
Responder mensagens: Proibido
Editar mensagens: Proibido
Excluir mensagens: Proibido

Procurar por:
Ir para: