Trocar para a skin padrão
Discuta aqui tudo relacionado aos trabalhos de Chespirito, como Chaves, Chapolin, Chaves em Desenho e Programa Chespirito. Discuta aqui também o trabalho de outros atores, como as séries do Kiko.
Responder

Roberto Gómez Bolaños será tema de musical inédito no Brasil

15 Nov 2018, 19:18

Roberto Gómez Bolaños, o Chaves, será tema de musical inédito no Brasil

Imagem

Roberto Gómez Bolaños e sua mais famosa criação, o Chaves, serão homenageados em um grande tributo que estará em breve nos teatros brasileiros. Pela primeira vez, os personagens criados pelo escritor e comediante mexicano estarão em uma peça de teatro oficial, que promete encantar os fãs das séries que há mais de 30 anos divertem o público do país.

"Chaves: um tributo musical" está em pré-produção e oferecerá um espetáculo que promete muita diversão, emoção e nostalgia com os personagens de Chespirito. Realizado pela Move Produções, com o apoio do SBT e Grupo Chespirito, o musical buscará oferecer ao fãs uma peça no melhor estilo da Broadway, em uma homenagem à altura de um dos maiores nomes da comédia em todos os tempos.

Ainda não há informações de quando o musical estará em cartaz, nem quais os nomes que farão parte do elenco. O projeto encontra-se em desenvolvimento, envolvendo importantes figuras do cenário artístico nacional.

O Fórum Chaves, principal comunidade de fãs de Chespirito no Brasil, está participando do projeto, oferecendo apoio e consultoria para levar ao público um espetáculo que encante e emocione todos os amantes de Chaves e seus personagens.

Chaves é exibido no Brasil desde 1984 pelo SBT. Atualmente, vai ao ar todos os dias no canal, registrando bons índices de audiência. Em toda a América Latina, está há quase 50 anos divertindo milhões de pessoas e gerações, assim como o herói Chapolin Colorado.

Texto por Fórum Chaves

Re: Roberto Gómez Bolaños será tema de musical inédito no Br

15 Nov 2018, 19:22

Confiança a mil com o projeto. Só de não ter a Televisa como cabeça e não ser infantiloide, é motivo de sobra pra comemorar!

Re: Roberto Gómez Bolaños será tema de musical inédito no Br

15 Nov 2018, 19:25

Espero que seja bom, quem sabe eu não vá.

Re: Roberto Gómez Bolaños será tema de musical inédito no Br

15 Nov 2018, 19:31

Quando vi que tinha dedo no SBT no negócio eu fiquei bem desconfiado, mas já que a emissora só tá apoiando o projeto da Move, vamos ver no que vai dar.

Recomendo o Dal Mas caso haja alguma abertura pra contribuição musical no projeto.

Re: Roberto Gómez Bolaños será tema de musical inédito no Br

15 Nov 2018, 19:40

Imagina a simulação de uma praia no ato final, personagens correndo, a luz abaixa, Chaves ao centro do palco, começa "Boa Noite Vizinhança". Todos choram, aplaudem, fecham as cortinas. É isto.

Re: Roberto Gómez Bolaños será tema de musical inédito no Br

15 Nov 2018, 19:40

Agora só resta sabermos a surpresa do Berriel amanhã no podcast :vamp:

Interessante a proposta, se tiver na minha cidade talvez eu vá ver

Re: Roberto Gómez Bolaños será tema de musical inédito no Br

15 Nov 2018, 20:00

Na moral, eu esperava coisa melhor.
Editado pela última vez por Homessa em 15 Nov 2018, 20:19, em um total de 1 vez.

Re: Roberto Gómez Bolaños será tema de musical inédito no Br

15 Nov 2018, 20:08

Matéria do Paulo Pacheco no UOL:

"Chaves" vai virar musical no Brasil: "É o Chaplin latino", diz produtora

Há 34 anos no ar no Brasil, "Chaves" ganhará uma adaptação inédita para o teatro. A série mexicana vai virar musical, ainda sem data de estreia definida, mas os trabalhos começaram nos últimos meses. Nesta semana, a produtora responsável obteve liberação do Ministério da Cultura para financiar o espetáculo via leis de incentivo --o projeto custa R$ 8,7 milhões.

Quem está por trás do projeto é a atriz e produtora Adriana Del Claro, atualmente à frente do musical "Natasha, Pierre e O Grande Cometa de 1812". Fernanda Maia e Zé Henrique de Paula são os responsáveis pelo roteiro, que terá as piadas clássicas e novas histórias. O Fórum Chaves, maior comunidade de fãs da série no Brasil, participa da curadoria.

Adriana, que atuou na novela "Carrossel" e produziu o musical da trama, comemora a parceria com o SBT e o Grupo Chespirito, que cuida do legado de Roberto Gómez Bolaños (1928-2014), criador de "Chaves".

"Há alguns anos estou atrás do 'Chaves'. Fiz 'Carrossel' com o SBT e me abriu portas, e o 'Cometa' selou. Viram que era uma produção muito bacana. Eles têm certeza de que é uma equipe em que eles confiam", afirma Adriana Del Claro ao UOL.

De acordo com a sinopse apresentada ao MinC, o musical contará a história de Bolaños e, depois, encenará "Chaves", com direito a réplica da vila e outros cenários lúdicos. A produtora pretende viajar até o México para negociar itens raros do comediante, como manuscritos e figurinos originais da série, para uma exposição.

"A ideia é trazer coisas de Bolaños e do universo 'Chaves' que nunca ninguém viu. Vamos fazer um tributo. Quero homenagear 'Chaves' como o Chaplin latino", explica Adriana, comparando o comediante mexicano à lenda do humor Charlie Chaplin (1889-1977).

Lançada em 1972, "Chaves" estreou no SBT em 24 de agosto de 1984, dentro do programa "TV Powww!", naquele dia apresentado por Paulo Barboza. Durante mais de 30 anos, incomodou a concorrência e chegou a liderar a audiência. Desde 21 de maio de 2018, o Multishow, canal pago do Grupo Globo, exibe "Chaves" e "Chapolin" com episódios inéditos.

No auge do sucesso, o elenco de "Chaves" viajou pela América Latina, mas nunca se apresentou no Brasil. Segundo Edgar Vivar (Sr. Barriga), Bolaños não queria ser dublado nos shows. O próprio Vivar, além de Carlos Villagrán (Quico), Rubén Aguirre (Professor Girafales) e Maria Antonieta de las Nieves (Chiquinha), já realizaram espetáculos no país.

Em 2011, o Grupo Chespirito e a Televisa trouxeram ao Brasil uma peça de teatro baseada no desenho animado de "Chaves", com atores estrangeiros fantasiados como grandes bonecos e dublados em português, mas o espetáculo fracassou.

https://entretenimento.uol.com.br/notic ... dutora.htm

Re: Roberto Gómez Bolaños será tema de musical inédito no Br

15 Nov 2018, 20:14

Confesso que quando vi a notícia, fiquei a princípio duvidando um pouco, mas, fico feliz em ver um projeto com esse. Ainda sonho muito em ver uma série ou filme biográfico grande de Chespirito, mas por enquanto, só de ver que pretendem fazer um musical sobre, já me deixa tão empolgado e ansioso para mais novidades sobre.

PS: Como sempre, Brasil dando ponto de partida melhor que o México sobre Chespirito e seu legado.

Re: Roberto Gómez Bolaños será tema de musical inédito no Br

15 Nov 2018, 20:18

Hyuri Augusto escreveu:Confesso que quando vi a notícia, fiquei a princípio duvidando um pouco, mas, fico feliz em ver um projeto com esse. Ainda sonho muito em ver uma série ou filme biográfico grande de Chespirito, mas por enquanto, só de ver que pretendem fazer um musical sobre, já me deixa tão empolgado e ansioso para mais novidades sobre.

PS: Como sempre, Brasil dando ponto de partida melhor que o México sobre Chespirito e seu legado.


Tem a série biográfica que o Roberto Gómez Fernandez está querendo produzir na Televisa. O caso é que é difícil acreditar que o projeto caminhe. Filme do Chapolin ficou na promessa, e essa série precisaria de um cuidado que eles não parecem ter...

Re: Roberto Gómez Bolaños será tema de musical inédito no Br

15 Nov 2018, 20:37

Fernanda Maia e Zé Henrique de Paula são geniais.
"Senhora dos Afogados - O Musical" é uma das obras primas deles.

Re: Roberto Gómez Bolaños será tema de musical inédito no Br

15 Nov 2018, 20:40

Até o Chavinho pegando dinheiro da Rouanet. :vamp:

Digo, poderia ser um negócio bacana, mas desisti do negócio ao ver chamarem o Chespirito de "Bolaños" e a peça chamar só "Chaves".

Re: Roberto Gómez Bolaños será tema de musical inédito no Br

15 Nov 2018, 20:49

Ramyen Matusquela escreveu:Até o Chavinho pegando dinheiro da Rouanet. :vamp:

Digo, poderia ser um negócio bacana, mas desisti do negócio ao ver chamarem o Chespirito de "Bolaños" e a peça chamar só "Chaves".

Não só "poderia" como será uma negócio bacana. Não posso falar muita coisa ainda, mas está sendo feito tudo com muito cuidado para que seja algo bem bonito, divertido e emocionante para os fãs. Estou contribuindo com esse trabalho também para que se alcance essa expectativa dos fãs.

E sobre o nome, Chaves é o nome mais conhecido, é a marca principal. Não tem nenhum problema nisso.

Re: Roberto Gómez Bolaños será tema de musical inédito no Br

15 Nov 2018, 21:43

Alguma informação sobre a identidade musical do projeto, Antonio? Se BGMs conhecidas podem pelo menos acabar sendo estudadas como base pra uma trilha original?

Pq é meio triste pensar na possibilidade de ser uma trilha orquestralzinha genérica, sabe. Uma peça do Poderoso Chefão saberia que é necessário predominar o violino com toques leves de piano, uma peça sobre a Família Addams sempre tem clavicórdio ocasionalmente acompanhado de órgão...

John Fiddy no album Kids & Cartoons acabou sem querer criando uma associação de flautas+violão e Chaves. O Mário Lúcio fugiu um pouco disso então é dificil traçar o que seria uma identidade musical de CH. Mas seria bem desolador ver um musical produzido sem tomar nenhuma preocupação com isso.

Re: Roberto Gómez Bolaños será tema de musical inédito no Br

15 Nov 2018, 21:53

Remédios das Dores da Angústia escreveu:Alguma informação sobre a identidade musical do projeto, Antonio? Se BGMs conhecidas podem pelo menos acabar sendo estudadas como base pra uma trilha original?

Pq é meio triste pensar na possibilidade de ser uma trilha orquestralzinha genérica, sabe. Uma peça do Poderoso Chefão saberia que é necessário predominar o violino com toques leves de piano, uma peça sobre a Família Addams sempre tem clavicórdio ocasionalmente acompanhado de órgão...

John Fiddy no album Kids & Cartoons acabou sem querer criando uma associação de flautas+violão e Chaves. O Mário Lúcio fugiu um pouco disso então é dificil traçar o que seria uma identidade musical de CH. Mas seria bem desolador ver um musical produzido sem tomar nenhuma preocupação com isso.


Preocupação válida que também tenho. A nostalgia não vem apenas do visual, mas da identidade sonora (não falando de vozes, obviamente). Aproximar o público nesse quesito é tão importante como tem sido com as trilhas dos episódios inéditos (apesar de Valette).
Responder
Próximo